• 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19

Cicloturismo

  • Mapa Colaborativo

    mapa colaborativo

    Em nosso Mapa Colaborativo você poderá encontrar tudo sobre o mundo da Bike em nossa região. Desde lojas, grupos de pedais, tipos de ciclovias e a localização das mais incríveis rotas.

     

    Lojas
    Um guia de todas as lojas da região para você adquirir a sua bicicleta. Sua loja não está aparecendo aqui ? Entre em contatoconosco para adicionar o seu negócio.
     icon rosa
    Grupos de Pedais
    Saiba onde estão acontecendo os grupos de pedal e quais são os horários de reunião. Se você tem um grupo de pedal e gostaria de divulgar seu ponto de encontro, entre em contatoconsco.
     
    Ciclovia de Passeio Compartilhada
    A ciclovia de passeio compartilhada pode ser compartilhada com pedestres e por isso o ciclista aqui deve ter cuidado dobrado. Existem ciclovias que são compartilhadas com veículos automotores.
    icon roxo
    Ciclovias

    É um espaço segregado para fluxo de bicicletas. Isso significa que há uma separação física isolando os ciclistas dos demais veículos.

    Essa separação pode ser através de mureta, meio fio, grade, blocos de concreto ou outro tipo de isolamento fixo. A ciclovia é indicada para avenidas e vias expressas, pois protege o ciclista do tráfego rápido e intenso.

    icon vermelho
    Ciclofaixas
     

    É quando há apenas uma faixa pintada no chão, sem separação física de qualquer tipo (inclusive cones ou cavaletes). Pode haver “olhos de gato” ou no máximo os tachões do tipo “tartaruga”, como os que separam as faixas de ônibus.

     icon azul
    Trilhas e Rotas
    Indicamos no nosso mapa as trilhas e rotas que temos feito na região. Estamos em constante atualização por isso se você conhece alguma marcação e deseja contribuir com nosso mapa, entre em contatoconosco.
    icon laranja
    Igrejas
    Turismo religioso, arquitetura e história são opções para você conhecer através de nosso mapa colaborativo. Marcaremos as principais obras arquitetônicas religiosas em nossa região.
    Montanhas
    Morros e montanhas que fazem parte de nossas rotas de trekking e mountain bike.

     

    Se você deseja adicionar alguma informação, entre em contatoconosco e envie a sua cordenada. 

     

    // Para Imprimir 

    Também disponibilizamos mapas de nossa região para você fazer download e imprimir. Se desejar alguma informação adicional sobre algum roteiro entre em contato conosco que teremos o maior prazer em lhe ajudar.

    sc zoom
    Mapa de Santa Catarina 
    vale europeu zoom
    Mapa do Vale Europeu
    mapa vale europeu zoom
    Mapa do Vale Europeu e Rotas Turísticas
    mapa costa verde mar zoom
    Mapa Costa Verde & Mar
  • Avenida das Américas

    Por Eliana Garcia

    Ler relatos de viajantes é um hobby para muitos, mas para alguns, pode ser o início de uma grande mudança nos rumos da vida. Acompanhar as descobertas e as incertezas de cada dia na jornada de um aventureiro pode aguçar os espíritos mais sossegados ou então, dar um empurrãozinho para a realização de um grande sonho.
    A viagem solo de Carlos André, de Los Ângeles ao Rio de Janeiro

    São raras a publicações sobre bicicleta no Brasil, de cicloturismo então nem se fala. Foi portanto com grande felicidade, que conhecemos o livro do jornalista carioca Carlos André (Cadé) sobre a viagem que realizou no início dos anos noventa, de Los Angeles ao Rio de Janeiro.

  • Cicloturismo

    Este é um excelente filme que foi desenvolvido pelo amante das bikes Rubens Angioletti durante dois anos.Entre depoimentos de pessoas que mudaram suas vidas após a prática do ciclismo, estão depoimentos e afirmações de especialistas.

  • De Itajaí até Ushuaia

    Ás vezes nos deparamos com situações na vida onde nos é exigido coragem. Coragem para encarar desafios ou seguir sonhos. E todos nós sonhamos, todos nós desejamos fazer algo. A diferença é que alguns se movem em direção aos seus sonhos e os tornam realidade. Forte é aquele que não desiste dos seus sonhos, mesmo com tantas dificuldades no caminho. Uma vez escutei uma frase no filme "A procura da felicidade" que dizia : Nunca deixe ninguém dizer que você não pode fazer alguma coisa. Se você tem um sonho, tem que correr atrás dele. As pessoas não conseguem vencer, e dizem que você também não vai vencer. Se quer alguma coisa, corre atrás. 

  • O mundo ao lado

    Este livro relata os episódios mais marcantes de minha volta ao mundo de bicicleta, um período de mais de três anos na estrada. Entre memórias, reflexões e trechos de meu diário, me esforcei para conduzir o leitor pelo mesmo roteiro dessa longa jornada, assim como para a solidão e o

    silêncio da estrada, para acampamentos no deserto, para as dúvidas e as incertezas sobre o amanhã, e para as surpresas e dificuldades do caminho; porém, mais que isso, para um mundo novo e desconhecido, para O Mundo ao Lado.

  • Porto Belo e Bombinhas

    O litoral catarinense é cheio de histórias e de mistérios. Cada localidade esconde um pedaço desta história e alimenta as lendas em nossa imaginação. Destas histórias, nem tudo é fantasia, nem tudo é realidade. Mas conhecer esta história pedalando é de certa forma participar dos acontecimentos que há muito tempo atrás ocorreram na região.

    A coroa portuguesa não dava muita importância para o sul do Brasil na época da colonização, isso acabou despertando o interesse de piratas que usavam estas terras para fugas e abastecimento. De certa forma isso incentivou a colonização açoriana na região no litoral catarinense. Mas não foram só navios piratas e portugueses que disputaram as terras no litoral catarinense, batalhas entre espanhóis, holandeses e franceses também foram registradas por lá.

  • Transpatagônia, Pumas não comem ciclistas

    Transpatagnia Pumas No Comem Ciclistas JPGPor exatos 180 dias, ou 6 meses, percorri 6.000 km de bicicleta sozinho por toda a extensão da Patagônia e da Terra do Fogo, tanto no Chile quanto na Argentina. Ao longo do caminho abandonei momentaneamente a bike e caminhei por trilhas acampando e explorando. Uma viagem sonhada e adiada por décadas. Um daqueles sonhos de criança, que acompanham nossa adolescência e juventude, para depois nos atormentar durante toda a fase adulta da vida. Até que finalmente ela aconteceu!

    Engraçado como as prerrogativas, prioridades e responsabilidades interferem em nossos sonhos. Não é que os sonhos perdem importância, mas são soterrados por uma infinidade de outras imagens e sensações que terminam por ocupar quase todo o espaço físico e mental…

    Ter escrito TRANSPATAGÔNIA, PUMAS NÃO COMEM CICLISTAS foi uma viagem dentro da viagem. Terminada a expedição de mountain bike, demorei dois anos para terminar o texto que narra a aventura. Quatro vezes mais tempo do que a viagem! Lembrar, entender, explicar e descrever demorou bem mais do que simplesmente fazer. E posso dizer que exigiu muito mais esforço também!

  • Trilhando Sonhos

    Thiago Fantinatti sonhava conhecer o vasto continente Sul-Americano sobre as duas rodas de uma bicicleta, de modo independente e sem pressa.

    Queria seguir do Atlântico ao Pacífico, dos Pampas ao Atacama, dos Andes à Amazônia... Um ano depois e mais de 15.000 km pedalados, ele havia conseguido!

    Em Trilhando Sonhos, o intrépido viajante não só recorda sua grande aventura como também se deixa levar pelas lembranças e anotações. Não é fácil observar-se a si mesmo, quem dirá colocar em palavras aquilo que vislumbrou.

    Mas aqui, com honestidade e simplicidade, o autor narra momentos, pessoas e lugares, além de refletir sobre sua própria condição de ser vivente, disposto a conhecer, galgar, explorar, influir na qualidade do seu dia e no daqueles que encontrou pelo caminho